segunda-feira, 27 de junho de 2011

A Guerra contra a Democracia

Muitas pessoas, apesar de não tantas quanto gostaria, vão-se apercebendo desde a algum tempo até á data, o crescimento de inúmeros grupos de pessoas descontentes com o actual sistema social, manifestando-se nas ruas por todo o mundo exigindo a mudança de governos corruptos, ditadores e  dinastias que estavam no poder á dezenas anos.
Aconteceu na Argélia, no Egipto e continua a acontecer, apesar da covardia da C.Social que insiste em distorcer a realidade e a censurar um movimento social que varre o Globo em inúmeros países, exigindo a mudança
Ontem á  noite, durante uma troca de mensagens com um amigo, o mesmo indicou-me 1 documentário, acerca deste assunto que achei muito interessante.
O Documentário, centra-se em torno dos movimentos sociais de apoio vindo das classes mais pobres que exigiam mudança e apoiam as Politicas de Hugo Chaves na Venezuela, de Evo Morales na Bolívia e o porquê de existir uma campanha mediática que o difama constantemente.
O Documentário põe a nu, a guerra mediática e métodos utilizados pelos E.U.A que durante décadas até aos dias de hoje tem servido para derrubar Governos eleitos democraticamente, estabelecendo governos Fantoches para "espalhar Democracia" que ao contrario de H.Chaves e E.Morales, não têm qualquer sentido patriótico ou nacionalista e assassinam milhares de pessoas, para que os EUA e meia dúzia de famílias dinásticas continuem a usufruir do trabalho de milhares de pessoas que vivem na escravidão social.


O documentário chama-se Guerra á Democracia e torna-se bem claro, o porquê de muitas coisas que aconteceram mas sobretudo, estabelece um paralelo com as Politicas que estão a ser levadas a Cabo na União Europeia e pelos Estados Unidos por todo o mundo com os seus Planos de Austeridade para o impulsionar das economias... criando novas " leis Democráticas " necessárias.
Conta com o relato de muitos intervenientes e com dissidentes que simplesmente não conseguiam mais continuar a ser responsáveis pelas acções que cometiam no passado.É mais um Wake Up call do que está para vir e para que as pessoas se unam, ao invés de apontarem  problemas que levam a marginalização denegrindo quem quer mudança recusando estas exigências, porque as mesmas nada mais são, do que uma forma de despojar os países de seus bens mais preciosos como a Agua, a Electricidade e outros bens mas sobretudo, de uma constituição onde o povo deixará de poder escolher no futuro, os seus governantes.
Esse é o assalto final não é o dinheiro, pois esse, eles criam do ar.

Adenda;
No fim de cada capitulo, é só clikar no capitulo seguinte que aparecerá ao meio do vídeo .
A Guerra contra a Democracia

25 comentários:

Anónimo disse...

mas ainda não percebi uma coisa...este blogue defende regimes e ditadores comunistas???
só para perceber...

claro que não defendo os dirigentes americanos...aliás, pelo menos desde o Kennedy (inclusive) ainda não houve um único presidente americano que não fosse um fantoche do Sião.

não se entenda esta pergunta, como uma defesa dos EUA sionistas, mas sim para saber o que se pretende em defender Chavez e companhia LDA !?

Streetwarrior disse...

Nest momnto estou d regress a casa a escrever-lhe do tlmv.
Assim q chegar a casa prometo-lhe respondor cm melhor facilidade

Streetwarrior disse...

Para começar, fico com a sensação que não viu o Doc ou precipitou-se e deixou o seu comentário antes de...senão percebia que essa pergunta está respondida no mesmo.

No entanto, eu respondo-lhe.
O Hugo chaves foi eleito democraticamente através de eleições...derrubado por um golpe de estado e reposto novamente pelos militares a pedido do povo...como pode ser um ditador? talvez sim, para as dinastias que se rejubilam com os sacrificios do povo e que de repente, foge-lhe o tapete debaixo dos pés...para eles, acredito que o conotem com " o ditador " quando o mesmo choca contra os seus interesses.
Mas se o mesmo é um ditador e pratica a censura, como é que os média venezuelanos, não se cansam todos os dias do enxovalhar?
Será que um ditador permite isso?
Pode dizer que o mesmo é um nacionalista, ditador, talvez seja pesado.

No entanto, essa coisa de Comunismo, fascismo,imperialismo,feudalismo,capitalismo são apenas nomes com que os nossos amos nos entretêm, pois existe uma coisa que é igual em todos os regimes, democraticos ou não que se chama, sistema monetário...e essa é a forma de sistema que interessa aos poderes instituidos...enquanto pingar, não têm moral, quando a torneira começa a fechar..é um horror estas politicas e alguém tem que por mão nessa desordem.
Eles estão-se cagando se é comunismo, ou capitalismo, desde que vá a favor dos seus interesses, não se importam...o povo é que se entretém a atirar essas frases ao ar como se conotando o sistema, se altera-se alguma coisa.
sabe para que existem essas diferenciações?
Para nos dividir, mantendo-nos numa constante luta interna.

Se segue o meu Blog como parece, ainda não percebeu que por detrás de todos esses sistemas estão braços direitos das dinastias que nos governam á Séculos?
O que interessa se lhe chama Capitalismo, Comunismo ou outra treta...eles são os seus donos e quando querem, pôe-no de joelhos a mendigar...como é o periodo que atravessamos....e vai piorar.
Alguns, iram mendigar e não conseguem perceber porquê, simplesmente porque buscam a informação, juntamente daqueles que têm interesses na situação.

O Chaves, tal como o Almadeenajad, o Arafat, o Saddam, e outros, fazem parte daquilo que em politica se chama de "oposição controlada".
Todos eles ( O chaves não sei mas não me surpreendia )são membros de ordens politico/religiosas por detrás do poder.
Os mesmos, são postos no poder, através de uma ilusão chamada de eleição, onde os canditados predestinados estão em todos os quadrantes da equação, ganhe quem ganhar, está em casa.
Você observa alguma igualdade para com partidos em pré epoca de eleições? Aqui e lá fora...o sistema é igual ou acha que eles se arriscam a surpresas? e se as houver, há plano B.
Sabe que em 2009,tanto o Socrates como M.F leite foram a athenas a conferençia bilderberg,não sabe?

A "oposição controlada" é necessária enquanto produz resultados pretendidos, depois, são na maioria das vezes eliminados ( Stalin, Hitler, Saddam ) quando os mesmos a meio do plano, mordem na mão que lhes dá o pão e vão contra o interesse instalado, são conotados de tudo, assassinados nos média (Chaves, Ahlmadeenajad), e quando não resignam, abatidos a sangue frio (Kenedy,Saddam,Alhende, e muitos outros).
Como vê, não interessa o lado da barreira, se tiverem que ser abatidos como os cães, falo-ão.

O Chaves apenas está a morder na mão que lhe deu o pão e tudo vale para o removerem.

veja o Doc até ao fim, depois questione-se o porquê.
Não conhece os depoimentos de John Perkins?

Streetwarrior disse...

Depois gostaria de perceber, o porquê de na sua opinião, o mesmo ser um ditador.

Anónimo disse...

não tenho tempo para ver o doc. até ao fim, mas já vi uma parte.

não é por causa dos EUA que a Venezuela é pobre e miserável, por favor!
no entanto, eu sou o último a defender os EUA, e não tenho "donos". penso pela própria cabeça.

não concordo que "fascismo", "capitalismo" e "comunismo" é tudo a mesma coisa.
e não concordo que tanto faz o sistema e que só o sistema monetário é que interessa. isso é mentira.


no entanto, sim, o capitalismo e o comunismo acabam por ser duas faces da mesma moeda, porque o objectivo do primeiro, no fundo, é criar uma crise de fundo como a actual na Europa que procure "legitimar" um futuro poder e governo comunista (em última análise, o capitalismo selvagem é um lobbie sionista tal como o comunismo, evidentemente)

no entanto, a crise não é, nem começa como uma crise meramente "económica". é, sempre foi, e sempre será uma crise de valores.

em que consiste a crise de valores?
numa palavra apenas: nihilismo
é o nada,o fim.
não há certo, nem errado, não há limites, nem valores. vale tudo, nada importa. não há moral, é a desmoralização (assim nasce a corrupção, o capitalismo desenfreado, os monopólios, crise familiar, etc)

vem descrito nos protocolos dos sábios do sião como criar e manter os monopólios nas mãos de meia-dúzia de corporações, oligarquias e grupos económicos para dominar os goyim (não-judeus)
e isto passa-se, não apenas com a economia, mas com a imprensa.

depois dos protocolos, veio o marxismo cultural (a.k.a. politicamente correcto) que é, nada mais do que a deterioração da sociedade. nasce em 1923, com a Escola de Frankfurt, como alternativa ao marxismo clássico que falhou na Europa Ocidental e EUA.
o objectivo, claro, é destruir a sociedade para que os marxistas atinjam o poder no futuro.
claro está que os ideólogos do marxismo cultural eram praticamente todos judeus (Horkheimer, Lucaks, Adorno, Marcuse, Fromm, etc)

a forma de destruir e desestabilizar a sociedade também é muito bem explicada por um ex-KGB (desertor) chamado Yuri Bezmenov em entrevistas na América durante os anos 80 (é fácil arranjar os videos no youtube, pesquisando pelo seu nome, e o marxismo cultural a mesma coisa)

é uma lavagem cerebral lenta e metódica através dos meios de comunicação "mainstream" assaltados pelos marxistas culturais, que nos impõem (é o termo!) cultura e valores que nada nos dizem originalmente, mas que com o tempo passamos a abraçar e temos como "modernos".
mas não passam de valores que defendem o fim da sociedade tradicional - ou seja, o seu fim, o nada, o nihilismo.

capitalismo e comunismo são meios diferentes para um fim parecido ou igual.
o fim é o domínio mundial e internacional judaico, quando o mundo inteiro não-judeu for confinado a GULAGS. e as raças europeias, extintas, evidentemente.

ora, não concordo que Chavez ou Stalin ou Saddam sejam "oposição" a coisa alguma.

a Europa e o Ocidente morreram no ano 1923 (mas já estavam decadentes).
a única oposição que realmente houve desde 1923 até hoje, foi Hitler e o seu Nacional-Socialismo, combateu tanto o Comunismo como o Capitalismo, o domínio internacional judaico. por isso, Hitler foi combatido e odiado, e ainda hoje é dita demasiada mentira e barbaridade sobre ele, porque quem domina o Mundo são os do costume.

Anónimo disse...

quanto muito, o Chavez seria aquilo que esse Yuri Bezmenov classificaria como um "idiota útil".

Streetwarrior disse...

Olá de novo anónimo.

obrigado pela sua resposta e pela sua reflexão.
Apanha-me outra vez de saida...terei que responder-lhe mais tarde, pois o tema, é delicado.
No entanto...apesar de todos esses sistemas, existe um que professa pela frente uma coisa e por trás aplica outra, sendo ele, a batuta que orienta a orquestra.

O catolicismo aliado ao Judaismo.
responder-lhe-ei com mais calma, pois, se reparar, todos eles, apesar de judeus, tinham um amo Católico.
..e Engana-se com respeito ao Hitler.
Chaves é sem duvida, o idiota Util, ele e o Fidel também beijam o anel ao REI dos Reis...pois são a antitese que trabalha em conjunto com a tese.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Streetwarrior disse...

"não é por causa dos EUA que a Venezuela é pobre e miserável, por favor!
no entanto, eu sou o último a defender os EUA, e não tenho "donos". penso pela própria cabeça."

Não é exclusivamente mas em grande parte a América do Sul, tem sido o quintal dos EUA, e como tal, as politicas não poderiam reflectir-se de outra forma.

Nunca foi minha intenção insinuar que não pensa, penso que se percebeu isso, foi um erro de comunicação, meu ou seu.

"não concordo que "fascismo", "capitalismo" e "comunismo" é tudo a mesma coisa."

Quando eu disse que eram a mesma coisa, referia-me aos aos objectivos importantes como bandeira de ideal.
O Capitalismo, tal como reconhece, é o outro lado da mesma moeda que é o capitalismo.

Se nós, puxar-mos a história e a tentar-mos perceber melhor, sem estar agarrado a idealismos sectários,( não estou a dizer que está ) por detrás destas ideologias, está um fio condutor em que um planeamento para um sistema monetário que possa garantir o poder aos mesmos, independentemente de quem esteja nos Governos.
Se reparar, tal como os movimentos ideológicos mudaram, também o sistema monetário mudou e não havia razão para isso, pois o mal supostamente seria das ideologias e não da moeda física em si...e não vai ficar por aqui.
O que estamos a assistir agora é o oscilar de moeda, entre o poder do Dollar e o euro (sistema Hegeliano outra vez) de modo a que dai, possa sair a sintese que será uma moeda global.
Estas Oscilações entre o poder do D. e do E, nada mais são do que quebrar outras moedas nacionais através das exportações e mercados, desvalorizando-as.

Quando digo que são iguais (fasc,Co,Cap )é porque fazem parte de um plano maior que é um governo mundial.
Este plano está idealizado desde 1750 para a frente, quando começaram a derrubar as monarquias.

É o nihilismo que fala que se pretende obter primeiro para depois, iniciar a sua reconstrução do nada...segui as fases de uma guerra de sucessão monárquica, a 1ª Guerra ,2ª guerra e esta ultima, não é uma guerra de armas, mas sim, económica.
dai o mote deles
CHAOS AB ORDER
Do Chaos, virá a Ordem.

Quando digo que o Catolicismo e o Judaísmo são o elo comum é porque;
Nunca se perguntou, porque razão, impérios poderosos como os visigodos, os suevos, bárbaros,Gregos, Otomano etc caíram e o catolicismo ainda se mantém ao fim de 2010 anos?
Alguma coisa se passa, pois nada mais posso concluir que um imenso poder,o Vaticano tem, para tudo ruir a sua volta e ele manter-se, sistema após sistema.
Todas as outras formas de religião, de uma maneira ou de outra, acabaram por reconhecer o Vaticano e o Papa como REI dos Reis...pois claro, são criação dele como sistemas hegelianos.

Estamos rodeados de sistemas Helegianos em tudo o que nos comanda como força governativa

os Protocolos, estão provados serem uma farsa, retirada de ambos contextos para derrubarem o Kzar...procure que encontrará a verdade... apesar de constituirem uma boa táctica para manter os Judeus na frente de um sistema chamados Igreja Romana.

Senão pense comigo.
Você acha que, há pouco mais de 300 anos (o que em história é pouco )onde a igreja andava a queimar Judeus na fogueira, hoje, colocaria toda a sua fortuna nas suas mãos como por exemplo os Rothschild se não os tivesse bem agarradinhos pelos tomates?
Não acha que viravam o jogo do poder?

O que o Yuri Bezmenov nos relata, está em aplicação há mais de 4 décadas.

Streetwarrior disse...

"" até hoje, foi Hitler e o seu Nacional-Socialismo, combateu tanto o Comunismo como o Capitalismo, o domínio internacional judaico. por isso, Hitler foi combatido e odiado,"

Não é verdade...o Hitler era um subserviente ás ordens do vaticano, há imensas provas disso, incluindo relatos fotos e depoimentos dele a dizer que tinha modelado todo o seu exercito baseado na Ordem dos jesuitas.
Havia homens seus que eram Judeus.
Eles sacrificaram Judeus para poderem obter a sintese, o estado de Israel e a C.E.E.

O Hitler não foi mandado abaixo, fazia parte do plano, tanto que os seus cientistas uma parte veio para a america no projecto paper clip e a outra foi para a U.Sovietica, onde ele, nunca foi descoberto porque o vaticano através da sua Cruz vermelha (CV Malta ) o encobriu.
Eles estão todos divididos por estas Ordens religiosas,esótéricas e militares porque, cada degrau tem uma parte do plano e nada mais sabe do grau superior.

O Vaticano está por detrás de tudo e este ano, repare como a maçonaria já anda pelos Jornais a fazer noticia, sabe porquê?
porque este é o ano da Opus Dei...é que em PT, é a vez consoante os cargos.

Anónimo disse...

Hitler não queria nada com o cristianismo. há imensas provas disso, afirmações dele por exemplo no livro "hitler's secret conversations" da década de 1940.
sucede simplesmente que Hitler não queria fazer nada contra ele, e sim deixá-lo morrer de morte natural (algo que vai acontecendo)

aliás, Hitler foi um dos primeiros a dizer que o Comunismo e o Cristianismo são iguais (e são mesmo, tirando aspectos superficiais). o Comunismo é uma nova versão do Cristianismo, mas sem o Deus e sem o disfarce metafísico. (ambos os "credos" tiveram origem judaica. porque será?) e, por isso, o Comunismo teve de se rebelar contra o Cristianismo, sem que isso o impedisse de continuar a ser filho desnaturado do Cristianismo.

é aí que entram essas fotos do Hitler com o vaticano e etc... a Igreja buscou abrigo no Nacional-Socialismo, porque o inimigo comum era o Comunismo.
mas uma aliança circunstancial não é uma aliança intemporal e incondicional.
tanto que o Papa da altura veio criticar e condenar o Nazismo por perseguir os judeus, etc, até há uma célebre frase desse Papa.

talvez o Hitler tenha sido enganado ou usado pelo Vaticano, mas não se diga que era falso, porque não era.
e Hitler não era nem cristão, nem ateu...penso que era ocultista.
e terá tolerado o Vaticano e a Igreja como aliado contra o Comunismo (e a Igreja vice-versa)
e não confundir o Vaticano do séc.XX com o credo do cristianismo.

Anónimo disse...

"O Vaticano está por detrás de tudo e este ano, repare como a maçonaria já anda pelos Jornais a fazer noticia, sabe porquê?
porque este é o ano da Opus Dei...é que em PT, é a vez consoante os cargos."


já agora: uma curiosidade?
quantos dos primeiros-ministros de Portugal no pós-25 de Abril foram Maçons?
o Passos Coelho sei que é, o Sócrates já ouvi dizer que era mas não sei bem...o Santana Lopes é, o Durão Barroso é, o Guterres não sei mas sei que o governo dele era dominado por Maçons, o Soares é, o Cavaco não faço ideia, e os outros não sei.

calculo que me estejam a escapar vários, é o mais provável.

não sei, parece que para governar neste país, é preciso pertencer à Maçonaria. isto é uma máfia muito pior que a PIDE.

Anónimo disse...

"O que o Yuri Bezmenov nos relata, está em aplicação há mais de 4 décadas."


sem dúvida. eu diria há quase 9 décadas. é desde 1923.

Anónimo disse...

"Quando digo que o Catolicismo e o Judaísmo são o elo comum é porque;
Nunca se perguntou, porque razão, impérios poderosos como os visigodos, os suevos, bárbaros,Gregos, Otomano etc caíram e o catolicismo ainda se mantém ao fim de 2010 anos?"


catolicismo e judaísmo são a mesma coisa.
e a maior parte dpos que foram queimados nas fogueiras nem eram judeus, mas sim Europeus.


cristianismo = comunismo = maçonaria = tudo a mesma coisa.

meios ligeiramente diferentes, nunances ligeiramente diferentes, mas fins iguais. é o domínio judaico.

Anónimo disse...

apenas fingem rivalidade entre si, para despistar os incautos

Anónimo disse...

."É o nihilismo que fala que se pretende obter primeiro para depois, iniciar a sua reconstrução do nada...segui as fases de uma guerra de sucessão monárquica, a 1ª Guerra ,2ª guerra e esta ultima, não é uma guerra de armas, mas sim, económica.
dai o mote deles
CHAOS AB ORDER
Do Chaos, virá a Ordem."



exactamente, é mesmo isso. desestabilizar e destruir primeiro, para construir e estabilizar depois. então emergirão os novos amos, os senhores da nova ordem "legitimados" e apresentados como "salvadores" que nos vêm salvar do Caos.

Bezmenov explica isso tão bem...

e para ele é marxismo-leninismo, mas para mim, é judaismo-sionismo

Anónimo disse...

"Quando digo que são iguais (fasc,Co,Cap )é porque fazem parte de um plano maior que é um governo mundial.
Este plano está idealizado desde 1750 para a frente, quando começaram a derrubar as monarquias"



o fascismo não faz parte disso, pode ter sido utilizado até, e pode ter-se corrompido, mas tinha boas intenções...
pelo menos na Itália.
já em Portugal, não me parece, porque o pseudo-fascismo português começou com um golpe maçónico em 1926
(Costa Gomes, Carmona e Mendes Cabeçadas, eram TODOS maçons)
e Salazar até tolerou a maçonaria -prova disso, o grão-mestre Norton de Matos candidato a PR, mas há mais provas - até há quem diga que Salazar também se converteu à maçonaria, mas nem vou especular, só vou falar de factos.

em Portugal, não houve fascismo, pura e simplesmente. houve apenas um sistema anti-liberal e anti-comunista.

quanto ao Nacional-Socialismo, esse então é que não tinha nada a ver com o sistema, embora pudesse ter sido utilizado.

Anónimo disse...

"Este plano está idealizado desde 1750 para a frente, quando começaram a derrubar as monarquias"


correctíssimo. revolução francesa - golpe maçónico e judaico, proto-comunista.
o próprio Hitler considerou a representatividade parlamentar como mais uma forma de comunismo e populismo (1 homem, 1 voto, indiferente ser culto ou analfabeto)

Anónimo disse...

em Portugal, o regícidio foi mais um golpe da maçonaria, a revolução liberal de 1820, outro golpe da maçonaria, etc, etc

Anónimo disse...

" tal como os movimentos ideológicos mudaram, também o sistema monetário mudou e não havia razão para isso, pois o mal supostamente seria das ideologias e não da moeda física em si...e não vai ficar por aqui."



claro. isso é óbvio. a moeda não circula sozinha. quem a circula é o homem, e essas pseudo-políticas Comunismo, Capitalismo, etc, nunca se preocuparam com o homem, com o aperfeiçoamento do homem, bem pelo contrário, só se preocuparam em corrompê-lo de todas as formas, moral, física, etc... e com a moeda.
o único que rompe com toda essa merda e MORALIZA o homem é o Nacional-Socialismo.
o capital humano é mais valioso que o capital monetário.
é a antítese do nihilismo, portanto. o antídoto.
o único. não há outro. não nos iludemos.
os outros só se preocupam em discutir mais ou menos intervenção do estado na economia.

Streetwarrior disse...

Não confunda Cristianismo com catolicismo...nada a ver.

O Vaticano, utilizou o Hitler para esmagar todos os movimentos religiosos.
Na Alemanha com o protestantismo, na Roménia,kosovo,Croácia etc o ortodoxos.

Se procurar, ultimamente tenho escrito acerca disto no artigo das 13 familias.

O Vaticano usou o Hitler e não ao contrário.

A renovação que a maçonaria levou em Inglaterra nos anos 1726, foi criada pelos jesuitas e mais tarde o Iluminismo por toda a Europa para infiltrar as lojas Francesas.
Tanto que há um movimento forte de Maçons que se opunham ao derrube das monarquias, como é o caso do Marquês de Pombal.

Ainda vou escrever mais sobre isto...ando a cruzar informação.

Bruna disse...

Baixar o Documentário - A Guerra Contra a Democracia - http://fwd4.me/0Bpp

brunaabora disse...

Baixar o Documentário - A Guerra Contra a Democracia - Apresenta a responsabilidade do Estados Unidos na violação dos direitos humanos - http://mcaf.ee/lh51p

Abulafia disse...

VC fala coisa com coisa. Eu não vi sentido no que li aqui. Quero minhas horas de leitura de volta!!!